quinta-feira, abril 13, 2006

Samuel Beckett

O dramaturgo, romancista e poeta irlandês Samuel Beckett ,prêmio Nobel de Literatura em 1969,estaria completando hoje 100 anos. Nasceu justamente em uma sexta feira treze, coincidência que ele costumava satirizar. Sua obra influenciou fortemente o teatro brasileiro.
A dúvida é um tema recorrente no teatro de Beckett, e segundo o dramaturgo, a única "certeza inata" dos homens. Esperando Godot, sua peça mais conhecida é um divisor de águas no teatro do século XX. Se passa em um descampado onde dois vagabundos esperam indefinidamente, a vinda do senhor Godot, que nunca aparece. o século XVII foi a inspiração do teatro Beckettiano.Tentou de desconstruir a certeza de que podemos explicar e entender o mundo e até mesmo resumi-lo em réplicas cênicas. O cenário idealizado por Beckett é recriação da paisagem convencional usada nas pastorais renascentistas. A solidão e a improbabilidade permeiam sua obra. Era extremamente perfeccionista e disse a célebre frase:

"tentar, falhar de novo, falhar melhor".
Seu centenário começou a ser comemorado, com festivais, exposições e debates. Não percam!

http://agenciacartamaior.uol.com.br/templates/materiaMostrar.cfm?materia_id=10491

8 Comments:

Blogger ângela said...

Obrigada pela visita. Voutentar acrescentar ainda maisno meu blog de teatro "CENAS". Aqui voltarei com mais tempo.

13 abril, 2006  
Blogger cemremos said...

Já tinha lido sobre este assunto hoje no jornal. Coincidência ou não, o número treze favorece o nascimento de grandes génios
( Fernando Pessoa, por exemplo nasceu a 13 de Junho).
Sem dúvida um grande pensador e dramaturgo, pioneiro do teatro do absurdo.
Hoje em Lisboa no Teatro São Luiz, na Sala Principal serão exibidos, a partir das 17h30, vários filmes com peças do dramaturgo. Caso de ‘Os Dias Felizes’, ‘Endgame’, ‘À Espera de Godot’, ou ‘Ohio Impromptu’, entre outros.
Abraço. Recebeu o meu email?

13 abril, 2006  
Blogger Armando S. Sousa said...

Olá Marco Aurélio,
O que tem de muito interessante a Internet, é que nós a milhares de quilómetros um do outro, postamos exactamente sobre o mesmo senhor da Literatura.
Parabéns ao senhor Beckett, o pai do teatro do absurdo.
Um abraço e aparece sempre.

13 abril, 2006  
Blogger EAUG said...

Eu vou ter que conhecer melhor o Samuel antes de tecer qualquer comentário. Mas se comemoram o centenário dele é porque coisa boa ele fez. Vou me informar melhor, se bem que teatro não é bem o que eu gosto. Tentarei. Fui

13 abril, 2006  
Blogger Wordphantom said...

Realmente o mais extraordinário de tudo isto é nós postarmos algo sobre o mesmo autor e mesmo festejo do seu centenário apesar de estarmos a milhares de quilómetros de distância.

Parabés Samuel Beckett e obrigado Marco Aurélio por ter visitado o meu blog. Volte Sempre.

Não sei se essa teoria de que o número 13 favorece a criação de génios. De qualquer forma nasci no mesmo dia que o Beckett - 13 de Abril. Vamos lá ver no que isto dá..

Abraço

13 abril, 2006  
Blogger JG said...

E ainda estamos à espera de Godot?
Um abraço e Boa Páscoa

13 abril, 2006  
Blogger Editor said...

Adorei o post!
Beckett é de fato um mestre da dramaturgia. Que bom vir aqui! Sempre uma leitura de prazer e aprendizado!

Gosto no número 13, nada contra, rs... tb acho o número 9 ótimo - meu dia de aniversário, 9 de julho.

Vou entrar no link indicado e depois comento aqui.
Abração!

13 abril, 2006  
Blogger Editor said...

Muito honrada em ver meu nome e blog sobre língua e literatura linkado aqui!!!
Preciso escrever mais!
Abração de Luz!

13 abril, 2006  

Postar um comentário

<< Home