terça-feira, julho 25, 2006

Israel e Libano n-1

Demorei a escrever sobre esta barbárie que Israel está promovendo no Líbano para compreender seu motivo central. Ainda não consegui. As questões geográficas estão claras. Faltam as econômicas. Combater o Hizbollah é uma desculpa para ocultar fins maquiavélicos. Tenho certeza. A desproporção de forças e das represálias é latente. A comunidade internacional não faz nada. Israel está sendo acusado de usar palestinos como escudos e de usar armas químicas. Médicos revelaram que muitos dos feridos apresentam reações estranhas aos estilhaços das bombas. Ao redor das feridas abertas o corpo das vitimas não reage aos tratamentos e, se observam vestígios de uma «película de pó». O efeito se espalha destruindo os tecidos exteriores e os órgãos do paciente. Os fragmentos das bombas revelam ainda a presença de substâncias tóxicas e radioativas. Os bombardeios são direcionados principalmente contra alvos civis e um elevado número de vítimas é de crianças .Imaginem se fosse o contrário!? Gostaria de saber se a proporção de forças fosse igual a das bandeiras desta postagem!

10 Comments:

Blogger Flávio said...

Ainda hj, vendo cenas desta guerra no Jornal Nacional, eu comentava: é impressionante que, em pleno Século XXI, pessoas ainda bombardeiem pessoas. Se a globalização derruba fronteiras, como governantes ainda se escondem atrás de bandeiras, para servir aos próprios interesses, à custa de milhares de vidas? Como o mundo ainda tolera coisas deste tipo? Perguntas que continuarão sem respostas...

25 julho, 2006  
Anonymous Arthur said...

Kd tdos os outros pichas ki fikam vagando nesse blog??Ah essa guerra vai fude c/ as parada lah nesse maldito oriente qq pra nível de desenvolvimento ainda está médio..
hauahauahauah
ki horrível
flws

26 julho, 2006  
Blogger Roy said...

Marco, minha posi'cao eh a mesma que a sua no que se refere a Israel e a violencia. Mas, me preocupa a tonalidade das criticas. Me preocupa essa historia completamente nao confirmada de armas quimicas, por exemplo, ou radiotividade e ACUSA'COES tambem desproporcionais.

Nao se pode criticar sem ter pleno conhecimento de tudo o que ocorrer na regiao. Por isso eu critico, veementemente, nao so a desporpor'cao, mas a causa isralense. No entanto, nao foi a toa, ne Marco? As coisas nao sao assim, tampouco.

O Hezbolla faz parte do GOVERNO do Libano. O Hamas EH o governo do Libano. Enquanto houver Hezbolla e Hamas, esquece, nao havera paz. Mesmo sonhando, meu amigo, eles nao querem conviver com Israel. Nem se Israel desse toda a bunda do mundo, continuariam nao querendo conviver com Israel, como nao conviveriam com os Estados Unidos.

Quase 16,000 pessoas morreram das maos de grupos terroristas. Eles SIM e COM CERTEZA atacam crian'cas ESPECIALMENTE, e DE PREFERENCIA. Eles SIM usam sua propria popula'cao como escudo. Eles SIM dominam seus bairros inspirando medo e castigos inimaginaveis.

Nao, Marco. Aqui nao ha santos. Ha seres humanos, e como toda a humanidade, sao TODOS feitos de merda.

abrax

RF

26 julho, 2006  
Anonymous patrickgleber said...

Publiquei artigo hoje no meu blog, veja um trecho:

“Eu acredito em pesquisas pré-eleitorais. Sei que muita gente não dá crédito para elas, mas eu sim! E sobre os números ontem divulgados pela Rede Globo juntamente com o Ibope só confirmam o que os outros institutos também dizem: Lula vence em primeiro turno. Veja os números. Apesar de que Lula já começa a enxergar Alckmin pelo retrovisor. Uma coisa é enxergar outra é passar.”

Minha análise sobre a última pesquisa no blog

http://blogdopatrick.blogspot.com/

26 julho, 2006  
Blogger George Gomes Coutinho said...

Olha...

Mais uma vez parece que princípios básicos de soberania nacional, por exemplo, foram pro espaço no caso da invasão israelense no Líbano.

Enquanto os territórios ocupados não forem entregues e, claro, enquanto Israel portar-se, perdoe-em o anacronismo, de maneira imperialista, as coisas permanecem como estão.

Por fim notem que a participação da chamada "comunidade internacional" parece ter dois pesos e duas medidas. Hoje morreram 4 soldados da ONU... Até agora não houve qualquer proposta de embargo aos assassinos.. De Israel pois!

Aqueles que são apoiados pelos EUA parecem continuar intocáveis...

26 julho, 2006  
Blogger Ricardo Rayol said...

Desconfio que a validade do armamento deveria estar vencendo e Israel só ganharia um desconto bacana se gastasse o original numa guerra.

29 julho, 2006  
Blogger Juraciara said...

Tem horas que eu tenho medo de "ser humana"...postei um comentário no meu blog, depois passa lá!
Tudo bem com vc? Andaste sumido! Descansou bastante?
Bj
Ju

29 julho, 2006  
Anonymous Anônimo said...

Hmm I love the idea behind this website, very unique.
»

10 agosto, 2006  
Anonymous Anônimo said...

Great site loved it alot, will come back and visit again.
»

15 agosto, 2006  
Anonymous Anônimo said...

I have been looking for sites like this for a long time. Thank you! » » »

25 abril, 2007  

Postar um comentário

<< Home