quinta-feira, setembro 14, 2006

Faltam 710 mil professores no Brasil

Uma estimativa do Ministério da Educação indica que faltam aproximadamente 235 mil professores no ensino médio no país. Os números do déficit de profissionais no ensino fundamental são ainda ainda piores. De acordo com o MEC, 475 mil cargos de docentes seriam necessários para completar os quadros. Isso mostra um amplo mercado para quem quer fazer vestibular e se licenciar para dar aulas. Entre as disciplinas, a maior demanda é por licenciados em matemática, física, química e biologia. Infelizmente o atrativo do emprego quase certo é obscurecido pelas longas jornadas, salas de aula cheias, conflitos e baixos salários. Ainda assim, há quem não mude a resposta para a famosa pergunta

"O que você vai ser quando crescer?".
"Quero ser Professor".
Foi o meu caso!

11 Comments:

Blogger Santa said...

Meu querido,
Teus post são comoventes!Esse em especial.
Bjs

14 setembro, 2006  
Blogger Juraciara said...

Quando eu era criança fazia provas com minhas folhas usadas de caderno, tinha uma longa lista de chamada com nomes (e sobrenomes) inventados, dava nota de participação em sala...tudo isso solitariamente, eis que nem meu irmão queria ser meu aluno...
Cresci e comecei a me licenciar para dar minhas aulas...desisti no meio do caminho...fiz outro curso e achei que meu sonho de criança era apenas um sonho que havia ficado para trás...mas como um sonho as vezes é mais forte que as curvas que a gente dá na vida...eis-me agora...novamente revivendo meu sonho de criança e sendo infinitamente feliz!
Eu amo ser professora!!!
Bjo
Juraciara

14 setembro, 2006  
Blogger Liliane de Paula said...

Marco Aurelio, não sei se se precisa só de mais professores. Acho que precisa de melhores professores. E mais que tudo de melhores alunos. Essa historia de não reprovar não é coisa de país sério, eu acho. Sempre estudei em escolas públicas.
Eu fiquei muito triste e chocada com a destruição das torres do WTC. E vou continuar ainda chocada.
Liliane de Paula

14 setembro, 2006  
Blogger Incomunicável said...

Eu nunca soube que queria ser professora até estar numa escola e me apaixonar pra sempre. Pois é... tá faltando gente e eu aqui desempregada... rrssrs...

Professor!! QUE VERGONHA!!!! Ás vezes eu esqueço que pessoas como vc entram no meu blog!! hahahhaa!! Foi mal aê... hehehhe.

Bjo. Saudade.

14 setembro, 2006  
Blogger WAPTE said...

Já morei em Belo Horizonte (onde nasci), No Rio de Janeiro, em Campinas e agora moro em Goiânia. Fora minhas breves estdas por outras paragens, dentre elas a selva amazônica com os Shanenawa.Meu apelido é:Professor. Vejam bem, o meu apelido não é título. É simplesmente um apelido. E eu fico muito feliz por ser chamado assim. Afinal, passei a maior parte de minha vida em sala de aula. Primeiro Latim, quando tinha 16 anos. Depois matemática com 19. Depois física. E agora no Curso de Letras da UEG, Lingüística e novamente Latim. Tive excelentes alunos durante minha vida. Gostaria de ser jovem para enfrentar tudo isto de novo. Sou destes que cresci e fui ser professor. E, não me arrependo um minuto disto. Quanto a questão do choque, eu infelizmente não tenho mais fôlego para me chocar com acidentes como os do WTC. Eu vi os massacres de May Lay, dos Tutsi, etc, etc, etc, etc.... O Vietnam... o Iraque, dos palestinos ....ete, etc,.... Porque só se referem as torres?. Bem para não ficarmos muito longe, sabiam que a cada dois minutos no Brasil morre uma criança de fome?. São 720 que morrem por dia neste país maravilhoso do Lula e seus asseclas. Vocês já viram alguma voz se levantar contra isto?. Vamos parar com isto e prestar mais atenção. Nós como professores temos a obrigação de nos inteirarmos da realidade sem paixão. É assim que deve ser e assim que os melhores professores que passaram por este mundo de DEUS e deixaram suas pegadas. Não que eu seja um deles, mas certamente não dou dos piores.
Reflitam sobre os dados... 720 por dia.
É isso aí.

14 setembro, 2006  
Anonymous Henrique 1º Ano said...

Eai Marco Aurélio será que vai dar certo o negocio que estamos querendo fazer??"As camisas"
Tem que ver quem topa, mas ali na sala e muito dificil fazer algo...
mas nos vamos tentar colocar em pratica...
Um Grande Abraço...
fui

14 setembro, 2006  
Blogger Jade said...

Olá Marco! Só agora tive tempo para retribuir a tua visita ao meu blog e nem de propósito deparo logo com um post sobre a falta de professores no Brasil. Em portugal, como deves saber, há excesso de professores. Eu até não me importava de ser professora nesse país lindo que deve ser o teu (falo assim porque nunca estive no Brasil) mas os salários são horrivelmente baixos, não é?
Um abraço!

14 setembro, 2006  
Anonymous cilene said...

quer isso dar pra fazer concurso...???

15 setembro, 2006  
Blogger Tozé Franco said...

CAro amigo Marco:
Dada a existência de milhares de professores desempregados em Portugal acho uma excelente oportunidade para aí trabalharem.
Podíamos fazer um intercâmbio: vocês mandam para aqui dentistas, a minha é brasileira e excelente profissonal, e nós mandamos profesores.
Um abraço.

15 setembro, 2006  
Blogger Ricardo Rayol said...

Hei de vencer mesmo sendo professor. Esse é o seu lema.

15 setembro, 2006  
Blogger Juraciara said...

Marco,

Tendo em vista que perdeu o meu email (que pecado - hehehe), vou te enviar um para marcarmos para semana que vem...acho uma ótima...
bjus
Ju

16 setembro, 2006  

Postar um comentário

<< Home