segunda-feira, maio 15, 2006

Pode ser o último aviso

As organizações criminosas no Brasil não são recentes. O Comando Vermelho, uma das mais antigas, nasceu no presídio da Ilha Grande, no final da década de 30, mas ganhou forca a partir de 64 quando bandidos comuns e presos políticos eram colocados juntos. Os presos eram alfabetizados e aprendiam sobre seus direitos com os presos políticos e em troca davam-lhes proteção. Aprenderam também técnicas de guerrilhas e outras coisas muito úteis no mundo do crime. O nome desta facção teve motivação na cor histórica dos movimentos socialistas. Já o PCC (Primeiro Comando da Capital) surgiu provavelmente na década de 90, no Centro de Reabilitação Penitenciária de Taubaté, local para onde eram transferidos presos indisciplinados que matavam nas prisões ou que lideravam rebeliões. Outras associações criminosas surgirão e a tendência, se não forem tomadas medidas efetivas de combate a criminalidade e a melhoria das condições sociais, será aumentar a violência em níveis inimagináveis. É bem provável que o governo federal decrete estado de defesa em São Paulo. Essa onda de ataques pode ser o último aviso de que o completo caos social começou a se instalar no país. O que falta é o PCC virar um partido de esquerda, pois parece que o PT já virou facção criminosa.

31 Comments:

Blogger Kafé Roceiro said...

Marco,
O que está dizendo é uma grande verdade! É como se fosse um câncer social! As medidas devem ser drásticas! O Código Penal deve ser imediatamente mudado. Nos Estados Unidos (exemplo), quem mata policial não tem recurso e vai para o corredor da morte ou perpétua. Nada de Direitos Humanos pra vagabundo, não!
Vou te linkar lá na roça. Se quizer me linka por aqui também.
Forte abraço,
Kafé.

15 maio, 2006  
Blogger Homossexual e Pai said...

e o pior é que vai ter um monte de intelectualoides, pessoal dos direitos humanos, sociologos de padaria, apoiando e votando na "opção" que o partido PCC vai oferecer!

15 maio, 2006  
Blogger Lilicita said...

Parte de mim torce prá liberação da pena de morte, parte de mim não pode nem pensar nisso.. Mas uma coisa é verdade: ninguém é bandido por opção, e sim por falta de opção. É fato isolado que o Governo não tem vantagem alguma em investir na educação e na criação de empregos, e, por 'empregos' não estou falando de cargos públicos, porque, na minha concepção, é lugar de gente encostada, uma na outra, como um dominó caído. Eu moro em São José do Rio Preto, não existem buracos na rua, mas pode-se notar qualquer coisa de rua entre os buracos e já me disse o mecânico do meu carro: 'é dona, os buracos tão fazendo fila nas calçadas prá irem prá rua', e cadê o Município prá dar trampo prá galera da construção?! Cadê o interesse?! Será que eles ganham porcentagem em alinhamento e balanceamento!? Putz, na verdade, mudei de assunto, mas um puxa o outr. Me desculpa. Enfim, que o PT é uma facção criminosa não existe a menor dúvida, a dúvida ainda é saber quantos brasileiros ainda votam nessa merda. Aliás, sendo bem sincera, o brasileiro não sabe votar, troca o seu maior direito por uma cesta trágica, então o que fazer? Parlamentarismo já. Investir na cultura e na educação. E olha, trabalho com 13 projetos sociais e nenhum dos filhos de bandidos que são cuidados por nós seguirão o exemplo de casa, mas somos poucos, bem poucos, como nós, aqui em Rio Preto (menos de 500.000 habitantes) precisaríamos de mais uns pares que fizessem o mesmo trabalho. Mas aí vamos ampliando o diâmetro e vemos que não somos nada. Como disse Tchecov: "Daqui duzentos ou trezentos anos, ou mesmo mil anos - não se trata de exatidão - haverá uma nova vida. Nova e feliz.
Não tomaremos parte nessa vida, é verdade... Mas é prá ela que estamos vivendo hoje. É prá ela que trabalhamos e, se bem que a soframos, nós a criamos. E nisso está o objetivo de nossa existência aqui."
. E agora a pergunta: O PCC ou o CV têm alguma culpa no cartório ou são filhos declarados bastardos pela sociedade?! Quantos deles tiveram uma família estruturada e, ainda que sem conforto, com dignidade?! Quantos deles tiveram a oportunidade de um trabalho limpo para conseguir um dinheiro honesto?! É uma bosta. A vida é injusta. A política é podre. E muita gente não se liga nisso. Na próxima vida, se ela existir, quero ser samambaia. :) Beijão. Adorei aqui. Vou linkar, assim que eu conseguir um tempinho e terminari meu layout, que tá 'noguento'. :)

15 maio, 2006  
Blogger Daniela said...

rss... nem brinque! Isso tem q acabar!

15 maio, 2006  
Blogger Danyllo said...

Concordo plenamente. O que me deixa mais enfurecido é as autoridades dizerem que está "tudo sobre controle"... só se for sobre controle do PCC né?

Um abraço!

15 maio, 2006  
Blogger luma said...

Podíamos botar o Lulla pra fazer discurso dentro de uma dessas penitenciárias. Teríamos desculpas como o PT tem pra tudo. Um mero descuido de percurso...rs.
Já estão até romanceando em cima do cara que comanda tudo isso. Eles são vaidosos, a fama corre entre os bandidos e eles ficam respeitáveis. Eles convivem bem com o medo. Mente doente sabe como é. Boa semana! Beijus

15 maio, 2006  
Blogger samurai said...

1 - Tudo sob controle
2 - A ação do Pcc foi previsivel

Pense num governador

Alessandro

15 maio, 2006  
Blogger Gabriela said...

Bom, a visão que eu tenho é de que todos os partidos políticos são uma facção criminosa... Sou totalmente apolítica, se pudesse, nem votaria, porque hoje em dia é difícil de confiar em uma pessoa próxima a vc, imagina em uma pessoa que vc só viu algumas vezes na tv... Sem dizer que na maioria das vezes não conseguimos separar o joio do trigo!
Obrigada pela visita, gostei daqui, lerei mais vezes!
A propósito, onde vc achou meu blog?
Abraços!

15 maio, 2006  
Anonymous Greengirl said...

As coisas estão cada vez mais difíceis! Na boa, achei uma ignorância por parte do governador não aceitar ajuda federal. Pow nem nessa hora eskecem as rivalidades
:( sacowwwwwwwww

15 maio, 2006  
Blogger vanessa said...

essa sua frase final foi fantástica, mas acho que o caos não começou a se instalar, ele já está instalado há muito tempo. Quantas pessoas são assassinadas nas periferias todos os dias? Quantos policiais são mortos " em ação" (abre muitas aspas nisso), a diferença é que a violência saiu do gueto e "invadiu" a cidade. Ganhou proporções surpreedentes.

Poderia desfiar milhares de teorias (vazias e do senso-comum) mas não sei mais o que fazer, só tenho medo!

15 maio, 2006  
Blogger Komentarista said...

Legal seu blog... Olha, acho que o PCC vai é querer tomar o poder e virar partido único, e vai ter muita gente apoiando, pode ter certeza... Quem sabe agora alguém seja obrigado a fazer alguma coisa! O jeito é ter esperança, pelo menos de chegar no trabalho inteiro!

15 maio, 2006  
Blogger Milena said...

Aqui na minha cidade também estamos com muito medo, a cidade virou um caos, tem bairros que estão cercados pela polícia, jogaram uma granada no Fórum...

Só sei, como disse Vanessa, que estou com medo. Muito medo.

15 maio, 2006  
Blogger Max Borges said...

Marco:

Pois para nossa preocupação, sabes que hoje andei escutando especialistas sobre criminalidade falando que o PCC está se utilizando dos discursos dos movimentos armados da Colômbia e adjacências?

O problema é que as FARCS da vida tem como base pequenas cidades do
interior da Colômbia e vivem entocados nas florestas, mas por aqui estão entre nós. Isso é muito grave e se não houver uma intervenção estatal dura e urgente, acredito que a tendência disso tudo é piorar!!

Grande Abraço

Max

15 maio, 2006  
Blogger Zara said...

Marco Aurélio, concordo com você, todos os dias deveria ser "Dia das Mães".Infelizmente acontecem casos que nos estarrecem, como esse da lagoa da Pampulha.Ainda bem que é minoria.Fiquei feliz com sua visita ão meu blog.Volte sempre e dê sua opinião a respeito das matérias.
Sobre o que esta acontecendo em São Paulo,é uma vergonha nacional, a omissão da sociedade em todos os níveis, jogando sempre a culpa no governo não funciona mais, nós "povo", temos força maior do que o governo, só que o comodismo,o materialismo(dinheiro)a guerra pelo poder(até em casa),a covardia, e o desamor nos fizeram escravos.!Acorda o tu que dormes..."
Ainda a tempo, se o povo se unir, fazer a escolha certa, quando for voltar,ir para o governo federal, e brigar pelos nossos direitos .

Um abraço.
Zara

15 maio, 2006  
Blogger Zé Carlos said...

«Por omissão do Estado chocou-se o ovo da serpente»

Marco, obrigado pela visita, Abraço.....

15 maio, 2006  
Blogger Bruno Guilherme Cassimiro said...

A formação dessas organizações criminosas remete à degradante condição do sistema prisional brasileiro. Claro, remete não apenas ao sistema físico, carcerário, mas também, a nossas abstratas e gerais leis penais e processuais.

O sistema prisional brasileiro merece os apelidos pelos quais a população o identifica, tais como: cemitério dos vivos e universidade do crime. O criminoso(ou inocente) pé-de-chinelo tem, na cadeia, o tempo necessário e bons professores para sair graduado no crime organizado ao longo do cumprimento de uma pena que não o ressocializa.

Nossas leis necessitam de reformas urgentes, e, em parte, já há um encaminhamento e um direcionamento neste sentido. Entretanto, reformas legislativas dependem do nosso Congresso Nacional, o qual não anda muito bem das pernas.

Interessante ressaltar as palavras do penalista Eugênio Zafaroni que diz: "o sistema penal é uma epidemia que atinge a quem tem defesas baixas". Uma enorme verdade. Qual é a categoria de detentos no Brasil? Ora, os 3 "P´s" - puta, preto e pobre -, ou seja, aqueles que têm as defesas mais baixas.

Obviamente que essas defesas baixas decorrem da enorme desigualdade social em nosso país, do descaso do governo e das péssimas condições de vida das camadas desfavorecidas, de maneira geral, economica, juridica, educacional,politica e socialmente.

O poder público, hoje, precisa enfrentar o poder paralelo dessas facções criminosas, tem que combater o narcotráfico, a corrupção policial, entre outras mazelas. Mas, atualmente, esse combate torna-se enormemente difícil, já que a delinqüência, a corrupção, a preguiça e a fraude estão enraizadas no próprio poder público, do Executivo ao Judiciário, do menor ao maior.

Quem sabe o PCC não vai buscar apoio lá com o Hamas e acaba por se tornar um partido político?!

15 maio, 2006  
Blogger jctunes.blogspot said...

É agora ou nunca, ou o poder público se impõe e mostra com todo o rigor da lei que não se curva diante da bandidagem ou capitula de vez, prosseguindo nessa retórica insana de palavreados desconectados da realidade vivida diariamente pela população.

15 maio, 2006  
Blogger Fernando said...

Não é por acaso que tudo esteja acontecendo agora. Por que nada desta dimensão aconteceu no ano passado ou antes? Estamos em ano eleitoral e o pcc sabe o poder de barganha que tem nas mãos. Assim o poder público fica vulnerável e sabemos das negociações com os bandidos. Afinal ninguém quer sujeira este ano.
Valeu a visita. Abraço.

15 maio, 2006  
Blogger Wot´s... uh the deal said...

Nunca vi tanto despreparo e incopetência

15 maio, 2006  
Anonymous Cabelo said...

O PT já era facção criminosa muito antes de Lulla assumir o poder. E o PCC já é partido e tenta se impor como tal, quando na verdade não passa de um grupo de animais lutando por seus "direitos" de matar, sequestrar, roubar, enfim, apodrecer o pouco que sobrou de bom na sociedade brasileira.

16 maio, 2006  
Blogger WAPTE said...

Uma onda de pânico atemoriza São Paulo. Quatro dias de atentados e motins atribuídos ao PCC, os trabalhadores sentem-se inseguros para ir ou permanecer no trabalho, e os estudantes ir para as escolas. As linhas de ônibus estão recolhendo seus veículos, empresas e escolas fechando as portas, dispensando funcionários e estudantes.

O governador do Estado de São Paulo, Cláudio Lembo , deu uma declaração ridícula de que "tudo está sob controle", controle de quem Cara-páilida?.Lula (o nefelibata) quer se aproveitar eleitoralmente do caso, e se dispõe a "mandar tropas federais", a mesma política usada no Rio de Janeiro. Alí, o exército, depois de duas semanas reprimindo a população, só conseguiu reaver fuzis roubados depois de negociar com os bandidos!??. O exército também é corrupto.

Os trabalhadores e estudantes têm toda a razão de repudiar a ação dessas máfias, como o PCC, que aterrorizam a cidade. E têm também completa razão quando repudiam os governos federal e estadual pela situação atual. Agora, tanto o governo federal como o estadual vão tentar utilizar estes fatos para justificar uma repressão mais dura contra os trabalhadores e a juventude negra.

É o atestado de falência da política de segurança tanto do governo Lembo como do Lula. Em todas as campanhas eleitorais eles falam deste problema, e apontam como solução aumentar os efetivos policiais ou usar as Forças Armadas como polícia. Em nenhum momento colocaram em questão o modelo econômico e a corrupção do Estado, da polícia e da justiça.

É impossível pensar que a solução para a violência seja reforçar a polícia, pela simples razão de que ela é uma das bases da própria violência. Sem a corrupção da polícia e do judiciário seria impossível a organização destes atentados pelo PCC desde dentro dos presídios, com armas e celulares. É impossível conter a violência sem acabar com as suas causas. O desemprego em massa e a miséria, produtos do capitalismo neoliberal são as causas básicas da violência. As máfias do narcotráfico e do seqüestro recrutam a juventude pobre sem alternativas nem perspectivas. Sem resolver este problema, nenhum outro será solucionado. Sem parar de pagar as dívidas externa e interna aos banqueiros não haverá emprego nem educação para a juventude, e essas máfias continuarão com sua base social. A outra face dos lucros escandalosos dos banqueiros neste país é o aumento da violência urbana.
E é impossível ainda "prender os bandidos" se não se começa por prender os grandes ladrões deste país. Qual é a autoridade moral do PT e do PSDB-PFL, que acobertam os corruptos do parlamento, para punir os outros ladrões?
Para quem pede pena de morte, lembremos que ela já existe no Brasil, só que não é usada contra bandidos.

16 maio, 2006  
Blogger Lauro said...

As coisas voltam à normalidade perigosa. Ou quase. A sensação que tenho é que o crime venceu. O trânsito nunca esteve melhor hoje em São Paulo. Ontem foi "o feriado negro" do PCC. Hoje é o "rodízio negro". A única reação das autoridades foi liberar a polícia para usar mais da força, com carta-livre para matar. Ainda assim, a impressão que dá é que a força policial é indefesa e despreparada. Famílias de PMs são ameaçadas por motoqueiros noturnos armados de metralhadora. Segundo ouvi de um apresentador de TV são chamados de "Bin Laders", pessoas com dívidas a zerar com o PCC. Enquanto isso o governo estadual aparentemente costura acordos com os líderes dos traficantes, em troca da paz momentânea. Ao mesmo tempo em que recusa o apoio federal. A origem do crime organizado é uma só: a tentativa desenfreada de enriquecimento a qualquer custo, inclusive da vida própria ou alheia.

16 maio, 2006  
Blogger Lauro said...

As motivações são várias e conhecidas dos brasileiros há tempos, País com a segunda maior desigualdade social do mundo, perdendo apenas para Serra Leoa, na África. E São Paulo é a cidade das américas com o maior contingente de pobres: São 3,5 milhões, sendo que metade é considerada indigente. Não por acaso o Estado paulista é o que apresenta a maior população carcerária. Um de cada três presos do Brasil está aqui.

16 maio, 2006  
Blogger Mar said...

tanatologia. -deixei um comentário no teu blog hoje.. pensando em voltar mais tarde e pesquisar sobre esta palavra: tanatologia. Interessante.. desconhecia esse nome. Acho que sempre gostei de tanatologia também. E quanto a pergunta que vc fez para tua mama.. se fosse de tiro doia menos? Entaum.. podemos debater sobre tanatologia.. que tal?
bom descanso.. e vê se dorme, amanhã é um outro dia.
Uma questãozinha..... o meio ambiente, animais.. me interessa bem mais que as postagens sobre morte. Mas a predação natural está tão deprimente, que resolvi associar aos meus blogs um blog mais fatal um pouco. Talvez daí que veio a idéia. Mas o tempo é pouco e.. vamos ver se consigo manter o tal blog pelo menos por esse ano.
bom sono.... e boa quarta-feira

16 maio, 2006  
Blogger Mar said...

obs: -vc já leu o estatuto do PCC ... se isso funcionasse no governo brasileiro teríamos leis maravilhosas. Todos se amariam e protegeriam uns aos outros. Não precisaria haver o PCC. O PT é isso que parece ser.. uma facção perigosa. O bandido existe porque a sociedade o fez assim. Se o cara for bom bandido.. vai em cana e sai pronto para ser um mau bandido. Todo ser humano requer atenção e precisa ser tratado com dignidade. Isso não ocorre com frequencia na sociedade humana. O resultado e a verdade.. estão lá fora e dentro das jaulas. Mas.. prefiro os fractais.. preciso encontra-los.. ainda! agora.. é boa noite mesmo.

16 maio, 2006  
Blogger falando profanamente said...

realmente isto tudo é verdade, lembro de um fato que me indignou bastante, foi a ataque do MST num laboratório acho que faz um mes mais ou menos, como pode um presidente apoiar este tipo de movimento? pra quem não sabe eles são um bando de vadios, aqui em minha cidade eles ja estiveram e foram flagrados levamdo dentro de um dos carros que veio a cidade para pegar mantimentos varios fardos de cachaça e vinho, ou seja eles são um bando de borrachos oportunisatas e não me entra na cabeça como pode este movimento ser permitido? não sou a favor da ditadura mas naquele tempo não avia este tipo de coisa.
parabens pelo blog! esta muito bom

17 maio, 2006  
Blogger Our life said...

Olá Marco Aurélio. Quero lhe agradecer por postar em meu blog. E a situação não está com jeito de parar por aí não... Agora se fala em negociação com bandidos...era só o que faltava, mas não me surpreende...o governo prefere sempre o paliativo à retaliação. E que Deus nos ajude...

Abraços

Angellslife

17 maio, 2006  
Blogger janamichels said...

Concordo com suas palavras... Tudo o que está acontecendo é uma grande vergonha!

17 maio, 2006  
Blogger João Flávio Resende said...

Caro Marco Aurélio,
Acho temerário chamar o Partido dos Trabalhadores de facção criminosa. Sei que uma maçã podre numa caixa pode contaminar todas as outras. Como militante e filiado há quase 15 anos, reconheço os prejuízos causados ao país pelo bando que se instalou no PT e prego a saída destes que mancharam a história e os serviços prestados pelos membros do PT ao Brasil.
O atual governo, como todos os outros que o Brasil já teve, tem erros e acertos. A diferença fica por conta de determinadas prioridades assumidas pelo presidente Lula que não foram postas em prática pelos mandatários anteriores. O caminho está apenas começando. E eu não trato política como torcida de futebol, como infelizmente acontece por aí, com palavras e atitudes que insuflam o ódio e a intolerância política.
Pregar o ódio ao PT , ou a qualquer partido, não ajuda em nada a democracia brasileira. Perdoe-me a franqueza.
João Flávio.

18 maio, 2006  
Anonymous Anônimo said...

A gente nunca sabe de que lado esses politicos estao,sao duvidas que talvez nunca serao respondidas.....
LOREDANA

19 maio, 2006  
Blogger Ito said...

O exemplo deveria vir de cima(políticos). Quando começarem a cassar e de fato prender político corrupto. Talvez resulte em exemplo para criminosos comum. Toda ação tem uma reação. Infelizmente, somos julgados pelo CPF e não pelo RG.

24 maio, 2006  

Postar um comentário

<< Home